quarta-feira, 23 de novembro de 2016

Roberto Oliveira confirmou o título de campeão da GT e Otávio Langowski ganhou a última etapa do campeonato 1/10 GP!
























O dia começou frio na Fazenda Thalia mas esquentou na pista com duelos e performances eletrizantes.  Sete pilotos na GT disputaram esta última etapa do campeonato de 2016 e na 1/10 GP o grid foi decepcionante com apenas três abnegados pilotos.

1/8 GT

Na GT esta etapa reserva trazia um desafio a mais para o piloto Helton Luis Casa - fazer a pole, ganhar a etapa e torcer para que o Roberto Oliveira não ficasse em segundo.  Com esta soma de resultados ele garantiria o título de campeão, tirando do Roberto o campeonato praticamente decidido.  Na tomada de tempo o Helton fez a lição de casa e garantiu a pole, seguido de Maurício Arruda Jr, Marcos Silva e só na quarta colocação aparecia Roberto Oliveira.  Até aqui tudo parecia seguir o planejado pelo Helton.










Na primeira bateria dois "estraga-prazeres", Maurício Arruda e Synnuhê Ramos, travaram um duelo pela vitória com grande vantagem para o Maurício, que pilotou como nunca - rápido e sem erros, acabando a bateria com uma volta a frente do Synnuhê, que terminou duas voltas a frente do Roberto e do Helton.  Com a quarta colocação do Helton na bateria, o Roberto já estava com o caneco na mão e só esperava a outra bateria para confirmar.  A dupla Roberto e Helton pilotaram muito bem, sem erros, seguidos por Rafael Careca, Carlos Dalcol e Marcos Silva, que abandonou com apenas 17 voltas completadas.

A segunda bateria começou e parecia que seria outro passeio para o Maurício Arruda com seu carro pintado como se fosse da polícia, mas mais parecendo que estava fugindo dela, tão rápido estava e abrindo uma larga vantagem já no final da primeira volta.  Quem aparecia na perseguição ao Maurício era o Roberto, até que, numa ultrapassagem mal calculada, Maurício bateu com Carlos Dalcol e abandonou a prova.  Assim Roberto assumiu a ponta e garantiu o título de Campeão 2016, seguido de Helton, que teve alguns problemas com o carro, Synnuhê Ramos em terceiro. Na quarta posição chegou Rafael Careca, pilotando muito bem, Marcos Silva em quinto, Dalcol em sexto e Maurício em sétimo.


A classificação da etapa ficou assim:













Comentaram que o Roberto não resistiria a pressão mas o que vimos na etapa foi um piloto tranquilo e deixando a pressão de vencer para o Helton.  Com isso conseguiu fazer uma etapa limpa, confirmando e carimbando o título de campeão paranaense 1/8 GT 2016.

Muito boa a participação do Synnuhê Ramos, campeão de 2015, mostrando que apesar de não ter participado de todas as etapas é um piloto de ponta e vai disputar em 2017.  Maurício Arruda é muito rápido e em 2017 esperamos ver bons duelos com Alexandre Hirata.  Helton luis Casa com o terceiro lugar na etapa garantiu o vicecampeonato da 1/8 GT em 2016.  E em terceiro lugar no campeonato ficou o vicecampeão brasileiro da categoria, Marcos Silva.  Parabéns a todos os participantes e ao campeão Roberto Oliveira, campeão da etapa e do campeonato 2016!

O Campeonato Paranaense 1/8 GT terminou assim:





















1/10 GP

O campeonato da 1/10 GP já estava definido e talvez por isso só tivemos a presença de três pilotos: o campeão Márcio Cichella, o vicecampeão Otávio Langowski e Rodrigo Veiga batalhando para melhorar sua colocação no campeonato 2016.

Na tomada de tempo de 10 minutos, valendo a volta mais rápida, o vencedor foi Márcio Cichella, seguido de Otávio e Rodrigo.  Márcio Cichella veio com vontade e andando rápido.

 Na primeira bateria o Cichella largou na ponta e estava mantendo a distância do Otávio e até aumentando quando na quarta volta estourou a correia lateral e, depois de trocada a correia, voltou e já assumiu a segunda colocação.  Mas o problema não acabou e com quatorze voltas estourou a correia traseira e ele só conseguiu retornar quase no final da bateria, apenas para cumprir tabela e se divertir.  A primeira bateria ficou assim:

















A segunda bateria não teve surpresas, o carro do Marcio ( com correias novas) aguentou o tranco e ele manteve a ponta do início ao fim.  Otávio teve alguns problemas pequenos e acabou seis voltas atras do Marcio Cichella.  E Rodrigo Veiga terminou uma volta atras do Otávio e também enfrentou alguns probleminhas em seu carro.  Nesta bateria o Márcio fez a volta mais rápida com 20,053, mais rápido que na tomada de tempo.

















A classificação da etapa ficou assim:


Otávio Langowski levou a etapa e confirmou o vicecampeonato.  Marcio Cichella carimbou o título de 2016 ficando com o segundo lugar.

O campeonato terminou assim:





















Com a realização desta etapa Rodrigo Veiga assumiu a terceira posição do campeonato no lugar de Edson Lima que não pode participar.  Parabéns aos três participantes da etapa e ao Márcio Cichella pelo título de 2016.

FOTOS









Carro do piloto Rafael Careca com a nova bolha da Alpha

Largada da primeira bateria da GT


Largada da segunda bateria da GT

Disputa entre Maurício Arruda e Synnuhê Ramos

Roberto Oliveira recebe (atrasado) o troféu de campeão da Copa Integração Paraná-Santa Catarina

Helton Luis Casa recebe o troféu de terceiro colocado da GT

Synnuhê Ramos recebe o troféu pela segunda colocação na GT

Roberto Oliveira recebe o troféu de campeão da etapa na GT

Marcos Silva recebe o troféu pela volta mais rápida na GT


O Pódio da GT

Helton Luis Casa e seu mecânico Alexandre Hirata 



Rodrigo Veiga recebe o troféu pelo terceiro lugar na 1/10

Marcio Cichella recebe o troféu de segundo colocado na 1/10
 
Otávio Langowski recebe o troféu de campeão da etapa na 1/10

Marcio Cichella recebe o troféu pela volta mais rápida na 1/10

O Pódio da 1/10

Fotos de Luiz Gustavo e Helton Luis Casa

www.facebook.com/campeonatogt



















Nenhum comentário: